Rejuvenescimento Facial

Rugas, manchas e cicatrizes, que não melhoram com o facelift, podem ser tratadas com algumas outras alternativas. A sua médica saberá indicar o procedimento mais adequado ao seu caso.

 

Indicações:

 

  • As linhas finas e rugas ao redor ou sob os olhos, testa e boca,
  • Cicatrizes de acne ou catapora,
  • Pele que não apresentou bons resultados após o facelift,
  • Pele envelhecida ou danificada pelo sol,
  • Pele amarelada ou acinzentada,
  • Verrugas,
  • Marcas de nascença.

 

LASER

 

Hoje, há uma variedade de opções quando se trata de rejuvenescimento da aparência. O tratamento a laser pode reduzir rugas faciais, cicatrizes e manchas. As mais recentes tecnologias a laser dão ao cirurgião plástico um novo nível de controle nos tratamentos a laser, permitindo extrema precisão e segurança, especialmente em áreas sensíveis. Esta abordagem permite que haja menos problemas com hipopigmentação, ou clareamento da pele para procedimentos tais como a remoção a laser de cicatriz de acne.

 

O feixe de laser usado em tratamento a laser renova a camada externa da pele, chamada de epiderme e simultaneamente aquece a pele subjacente, chamada de derme. Esta ação estimula o crescimento de novas fibras de colágeno. À medida que a área tratada cicatriza, a nova pele que se forma será mais lisa e firme.

 

Resurfacing a Laser de CO2

 

Há anos os médicos usam lasers de CO2 para tratar diversas doenças da pele. Uma nova geração de lasers de CO2 emite feixes contínuos de luz, removendo precisamente finas camadas de pele ocasionando danos mínimos ao tecido circundante. Pode não ser uma boa opção se você tem:

 

  • Acne ativa,
  • Pele muito escura,
  • Rugas profundas,
  • Excesso de pele ou flacidez.

 

Pacientes com pele mais escura têm maior risco de que a cicatrização ocorra com pigmentação escura (hiperpigmentação).

 

Importante: Realize o procedimento com cirurgião plástico qualificado. Em mãos erradas ou inexperientes, o resurfacing a laser pode ser perigoso.

 

PEELING QUÍMICO

 

Soluções químicas são cuidadosamente aplicadas na pele para melhorar a textura, removendo camadas exteriores danificadas. Os produtos químicos usados são fenol, ácido tricloroacético e ácidos alfahidróxidos. Cada um tem uma finalidade diferente. A fórmula utilizada pelo seu médico será ajustada para atender às suas necessidades específicas.

 

Geralmente, é um procedimento muito seguro quando realizado por um cirurgião plástico qualificado e experiente. Raramente pode haver infecção ou cicatrizes. Para pessoas com determinados tipos de pele, há risco de mudança de cor da pele de forma temporária ou permanente. O uso de anticoncepcionais, gravidez ou histórico familiar de descoloração acastanhada na pele pode aumentar a possibilidade de desenvolvimento de pigmentação anormal.

 

Você não é um bom candidato ao peeling químico se tiver:

 

  • Histórico de pele com cicatrizes,
  • Origem negra ou asiática,
  • Verrugas ativas,
  • Tratamentos contra acne no último ano.

Dra. Luciana Halal

A Dra. Luciana preza a Cirurgia Plástica com segurança, qualidade e atenção ao paciente, preocupando-se com suas características individuais.

Outros Procedimentos

WhatsApp chat